Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Depois de um dia mau pode haver um céu estrelado. O meu reino.


19
Fev15

A importância de um sorriso

por Princesa das estrelas

Hoje fui convidada para fazer algo que há muito queria fazer mas que tinha um medo enorme de experimentar. Desde que tive cancro e , sobretudo, desde que o meu pai teve e faleceu de cancro, que fiquei mais alerta e atenta para os hospitais, para os internamentos, para o que a palavra hospital pode significar para uma pessoa. Muitos de nós passamos lá horas, dias, semanas, no máximo. Mas há quem chame casa a um hospital; há pessoas que passam mais tempo internadas do que fora de ambiente hospitalar. Durante algum tempo ainda acalentei o desejo de ser voluntária. Mas esbarrei em tanta burocracia que acabei por desistir. Tento contribuir, fazer algo que possa fazer a diferença, mas por outros caminhos. Hoje participei numa visita hospitalar promovida pelo Nariz vermelho. Sobre eles e o espectacular trabalho que desenvolvem falarei mais tarde, quando o meu coração acalmar. Neste momento queria apenas aqui partilhar o turbilhão de emoções que vivi esta manhã. O encontro estava marcado no Hospital D. Estefânia e logo aqui o coração apertou: o sofrimento humano é tramado mas o das crianças, bem o das crianças deixa-me sem pinga de sangue, com a boca seca, uma tremenda vontade de abraçar e de chorar... Fiz a visita com a minha querida Sónia, o que, percebi mais tarde, me ajudou a não me desmanchar logo na primeira visita. Calhou-nos a visita com as Dras. Palhaças ao Serviço 5.2, onde estão doentes crónicos, crianças com doenças crónicas, com internamentos recorrentes... fogo. A sério? Não podia ter sido na cirurgia? Tive uma vontade de largar logo ali a chorar... Mas depois percebi que há momentos em que o que importa não somos nós. Por mais que custe, por mais que a boca seque e as mãos suem, por mais que as pernas tremam e nos apeteça fugir, o importante é percebermos que não estamos ali por nós mas sim por eles, por aquelas crianças doentes, que vivem ali dia após dia, semana após semana... E estamos ali por aquelas pessoas cujo trabalho é fazer sorrir, ou pelo menos tentar, mesmo quando o coração deles aperta seguramente tanto como o meu. Hoje vi coisas extraordinárias, pessoas que fazem do seu trabalho algo grandioso, crianças que sorriram, outras sem força para o fazer; pais que carregam o peso do mundo nos ombros, pais que se alegraram tanto com a nossa visita como as suas crianças; enfermeiras dedicadas... tenho a certeza que não esquecerei o dia de hoje. É impossível. ainda nem consegui engolir o almoço. Mas isso não interessa. Porque o que vi e o que fiz não foi por mim, nem para mim. E posso garantir que fez a diferença. Obrigada Nariz Vermelho.

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Sem imagem de perfil

De helena a 19.02.2015 às 17:38

Estou a querer dizer-lhe alguma coisa e não consigo, nada me sai. Um obrigada a todos aqueles que levam sorrisos e boa disposição às crianças em sofrimento.

Um abraço a todos os pais e familiares de crianças doentes e hospitalizadas.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Calendário

Fevereiro 2015

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D