Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Depois de um dia mau pode haver um céu estrelado. O meu reino.


27
Dez10

Ainda o Natal

por Inês P Queiroz

Do marido! Tão lindo, tão lindo. Não consigo parar de ouvir. Grande parte deste tipo de discos, que tentam misturar jazz e música clássica, são um pavor. Mas este é tão bonito, tão bonito que podia muito bem ter sido a´minha única prenda de Natal.

Autoria e outros dados (tags, etc)

27
Dez10

Mais Natal

por Inês P Queiroz

Este foi, sem dúvida, o Natal Bimba y Lola.
Sapatos pretos de salto alto. Oferta da sogra.
Bimba y Lola do Outlet.
Amei

Autoria e outros dados (tags, etc)

26
Dez10

Natal

por Inês P Queiroz

Da mãe, com muito amor. Lindas
Bimba y Lola; outlet.

Autoria e outros dados (tags, etc)

26
Dez10

Era isto que eu temia

por Inês P Queiroz

Depois de seis anos a resistir, lá sucumbimos à Playstation. E já me começo a arrepender. Vejamos, ontem foi isto que aqui se vê; hoje já tive de pôr o Henrique de castigo proibindo-o de jogar hoje. Houve gritos, choradeira... vamos ter uma relação difícil com o raio da maquineta.

Autoria e outros dados (tags, etc)

21
Dez10

As boas compras

por Inês P Queiroz
Se há pessoa que fica feliz com uma pechincha sou eu, a sério. Adoro ver os preços a baixar, a baixar e gosto ainda mais de me ver com uns saquitos de compras todas por tuta e meia.
Este ano, como já disse, não comprei praticamente nada das novas colecções de roupa. Primeiro porque tudo o que gostava era muito caro, depois porque há coisas que já não compro e lojas nas quais já não entro. Calças mal cortadas, camisolas que banham borboto à primeira lavagem... são coisas que cada vez me fazem mais espécie. Prefiro ter menos, mas melhor. E se puder ser mais barato melhor ainda.
O sábado passado fui ao Freeport acompanhar a minha sogra que ainda tinha umas compras para fazer. Fui contrariada porque achei que ainda não haveria promoções e que as lojas estariam todas rapadas. Enganei-me. A Bimba y Lola já tinha uns preços muito jeitosos (exepção feita às malas) e por lá desterrei grande parte do dinheiro que tinha destinado às compras: dois pares de calças de ganga skinny, uma camisola e dois pares de sapatos. Ainda entrei na Purificacion Garcia mas, depois das compras na Bimba y Lola, fiquei a achar tudo caríssimo. Esperamos por Janeiro. E, por fim, dei um ar da minha graça na Intimissimi. Aquilo era uma loja de arrepiar, com tudo ao molho e fé em Deus e, por isso, nem queria acreditar quando lá entrei: tudo muito arrumadinho, por temas. Gostei. Como disse alguém lá em casa, parece que a Irina andou em arrumações. Tudo tão bonitinho, tão coquete... o estrago foi grande, mas tudo óptimas compras. Agora há que voltar a fechar a torneira e esperar, pacientemente, pelas grandes pechinchas de Janeiro/Fevereiro (aniversário aqui da bebé).

Autoria e outros dados (tags, etc)

21
Dez10

Já só faltam três dias

por Inês P Queiroz
e o Henrique começa a enlouquecer com a contagem decrescente... não há prendas na árvore (que o Pai Natal há-de tocar à campainha por volta da meia-noite de dia 24), mas já há lsta de compras de supermercado para a consoada, feita pelo petiz e em letra manuscrita, como o próprio gosta de se gabar.
As prendas estão praticamente todas compradas, excepção feita à do meu sobrinho mais velho, que vai ficar resolvida hoje. Este ano não houve grandes desvarios, que a vida não está para isso. Esta coisa do negócio próprio foi o melhor que podia ter feito, sim senhora, mas a verdade é que não há subsídio e, sem subsídio não há palhacinhos. Há uma prenda para cada um lá de casa e vva o velho.
Este ano também não me desgracei em compras, e Deus sabe como me custa. Fui-me contendo, a custo, para os saldos ou para promoções que realmente valessem a pena. Amanhã é dia de compras no supermercado, as últimas faltas; na sexta vamos ao mercado e, de preferência, fazemos um desvio até à baixa para comermos um sonho da casa chinesa.
E depois, depois é que vão ser elas, cozinhar, arrumar, arranjar.
Mas, para já, vou-me deixar de escrevinhices e trabalhar que não é para isto que me pagam.

Autoria e outros dados (tags, etc)

20
Dez10

Chegou

por Inês P Queiroz
A custo, é verdade, mas o espírito de Natal baixou sobre mim. Estou a ultimar os presentes e a lista de supermercado para a ceia de Natal. Vai ser bonito, vai ser feliz e vamos estar todos juntos. Sem o meu pai, é verdade. Mas vamos estar felizes.

Autoria e outros dados (tags, etc)

13
Dez10

O tempo voa

por Inês P Queiroz
Já só faltam 11 dias para o Natal. Lembrou-mo o meu filho hoje de manhã enquanto olhava para o calendário do Advento. E eu não consegui evitar um olhar de tristeza. Caramba, ainda me falta tanta coisa. Caramba, desta vez não me sinto particularmente feliz ou bem disposta. E eu costumo ficar tão contente no Natal... gosto das cores, da azáfama das prendas, dos embrulhos, dos fritos, de pensar a ementa da ceia de Natal, de escolher prendas, de passear na baixa. Este ano... este ano não fiz nada disso. Talvez o facto de ter tido uma infecção respiratória como há muito não me lembrava de ter tenha ajudado. Fiquei quase uma semana de cama e mesmo depois de já estar a trabalhar quase que não conseguia andar mais de 5 minutos sem começar a arfar como o Darth Vader.
Hoje já me sinto melhor, mas continuo sem a luzinha de Natal acesa em mim.
E tenho muitas saudades do meu pai. Muitas mesmo.
E queria resolver os problemas dos que me rodeiam e não consigo.
E queria ter tempo e disposição, e vontade para organizar jantares de amigos lá em casa. Mas não tenho... E já só tenho 11 dias para mudar esta porra em mim.

Autoria e outros dados (tags, etc)

04
Dez10

Grito do Ipiranga

por Inês P Queiroz
Henrique, 6 anos e meio, manhã de sábado, dia 4 de Dezembro:
"Mãe, posso encostar a porta do meu quarto para não sair o calor do aquecedor?"
"Claro, querido."
"Se quiserem entrar batam à porta, por favor."
Medo!

Autoria e outros dados (tags, etc)

02
Dez10

Crónica do sofá

por Inês P Queiroz
É onde nos encontramos: eu e o meu pimpolho: os dois de computador no colo. Os dois doentes. Ele tem uma mancha no pulmão. Vamos hoje "descobrir" exactamente o que quer esta expressão dizer. Depois de uma manhã (a de ontem) surreal no Hospital da Estefânia, com uma médica que falava comigo enquanto mascava pastilha elástica de boca aberta, ficámos a saber quase o mesmo que sabíamos antes.
Hoje vamos à peditara, essa sim, uma médica a sério. Deixamos lá €80, mas vale a pena cada cêntimo (enquanto pudermos).
E agora vamos parar um bocadinho e vamos ver se somos nós e nuestros hermanos os organizadores do mundial.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Calendário

Dezembro 2010

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2006
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2005
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D